sexta-feira, setembro 02, 2005

MILLVINA DEAN
Millvina Dean com apenas dois meses de vida, estava a bordo do mais famoso transatlântico da sua época, o RMS TITANIC. Sendo levada pelos pais, com o irmão, para os Estados Unidos, em busca do sonho de todos os imigrantes da época: conquistar a América. O projeto de ter uma tabacaria e uma casa em Kansas City naufragou junto com o navio. Naquela noite fatídica e amargamente fria, salvou-se no colo da mãe Ettie, no bote 13, no meio do Atlântico Norte. Tinha nascido há nove semanas e só foi saber que ela, o irmão Bertie e a mãe eram sobreviventes da desgraça muitos anos depois. O pai ficou para trás e seu corpo nunca foi resgatado. Integra a lista dos 1.653 mortos. A família Dean, que tinha um pequeno pub em Londres, viajava de terceira classe. Lúcida e falante, a sobrevivente mais nova do desastre garante que é saudável não beber água. Também evita se estressar rememorando o pior da história do naufrágio. Não quer nem ver o que sobrou do transatlântico fora d’água ou se recordar daquele dia através de documentários ou filmes. Millvina, inclusive, mora bem longe do mar: em New Forest, cerca de 15 quilômetros de Southampton. Mesmo assim, dois quadros com desenhos do Titanic estão pendurados na parede de sua casa. Solteira, sem filhos, ela passou a maior parte de seus anos trabalhando como secretária em firmas de engenharia. Antes da Segunda Guerra chegou a fazer mapas cartográficos e só reviveu o drama do Titanic depois que ele foi localizado pela expedição de Robert Ballard, em 1985. Acabou se tornando a estrela principal das convenções especializadas na tragédia, organizadas por Sociedades do Titanic espalhadas pelo mundo.

3 comentários:

Alencar disse...

Nossa, gostaria muito de conhecer essa mulher. Não precisaríamos trocar nenhuma palavra. Só de poder abraçá-la já estaria satisfeito. Há algum tempo vi no Ebay um Cartão Postal com a assinatura dela. Queira muito o cartão, mas não venci o leilão. Parabéns pelo texto Diego. Felicidades a todos do TITANICFANS.

Diego disse...

Obrigado!!! Verdade... Imagine chegar perto de uma pessoa que passou por todo aquele sofrimento na noite de 14 de Abril, e está viva!! Seria muito 10... Até sem palavras para explicar ao se deparar com alguém como ela. Valeu por tudo!!

Mario disse...

Olá Diego, sim está fantástico, é a mais nova sobrevivente do Titanic, existem outros dois sobreviventes. Também merecem ser relembrados, Lilian Asplund de quase 99 anos, e Barbara West de 94 anos. Parabéns.