sexta-feira, outubro 03, 2014

O TITANIC REALMENTE QUEBROU?

 
O QUE VIRAM OS SOBREVIVENTES 
PARTE I 
Até 1985, quando Bob Ballard descobriu os destroços do Titanic no fundo do oceano, acreditava-se geralmente que o Titanic afundou intacto. Imediatamente após o desastre, o Segundo Oficial Lightoller, nos inquéritos americano e britânico, e os passageiros Coronel Gracie e Lawrence Beesley nos livros que publicaram com os seus testemunhos, fazem declarações nesse sentido, e foi essa a versão aceite pelo público durante décadas. Muitos jornais impressos também contêm relatos do que foi visto, no entanto a tentativa de encontrar e reunir esses muitos artigos poderia deturpar o objectivo destes próximos posts, dado que esses artigos podem ter sido alterados ou exagerados por um repórter, e tornar-se-ia difícil dizer o que a testemunha realmente viu e disse.
Mesmo agora, 29 anos depois da descoberta dos destroços do navio, a "percepção geral" que ainda permanece é a de que apenas poucos sobreviventes afirmaram ter visto o navio se partir antes deste se afundar. Mas quais são "os fatos"? O que os sobreviventes realmente viram, e quantos tiveram a percepção de ver o navio se partir? Um exame aos textos de ambos os Inquéritos americanos e britânicos de 1912 dá-nos uma ideia excelente. 
Todos os sobreviventes entrevistados pelos inquéritos foram examinados cuidadosamente para serem publicados nos posts das próximas semanas, com os seus próprios comentários sobre o que viram. Os depoimentos estão na mesma ordem que foram dados nos inquéritos. Os textos foram editados apenas em relação a deixar de fora os comentários não relacionados com o Titanic a afundar. Os testemunhos do Inquérito americano são referenciados por número de página, as do Inquérito britânico por número da questão.

2 comentários:

Gabriel Sena disse...

Você irá postar os arquivos dos inquéritos na segunda parte? Será demais, ainda bem que os arquivos estão bem arquivados e preservados, são uma das fontes históricas mais importantes relacionadas ao Titanic. Mas é incontestável de que o navio partiu em dois. Temos que levar em consideração que as pessoas estavam nervosas para reparar em algo, a noite escura não ajudou. A White Star queria "amenizar" a tragédia e afirmou que o navio afundara intacto. Mas isso tudo caiu depois de 85.

Mário disse...

Exacto Gabriel, vou postar nas próximas semanas os dois inquéritos mas apenas as questões relativas ao naufrágio e à questão se este se partiu ou não, as explosões ouvidas etc, de modo a se tirar uma conclusão do motivo que levou a se acreditar na teoria de afundamento intacto. :)