sexta-feira, janeiro 30, 2009

CARTA AO TITANIC VALE QUASE 200000 DE EUROS
A carta resumida, que durante anos foi utilizada como marcador de leitura para livros, foi escrita e enviada três dias antes do Titanic se afundar na sua última escala antes de zarpar para o choque com o icebergue. O tesouro histórico adornará a partir de agora as paredes de um bar irlandês. A autora da carta chamava-se Alice Lenox-Conyngham e salvou-se da tragédia porque participou apenas da primeira etapa da viagem, desde Southampton até Cherbourg na França. "Me disseram que esta é a viagem inaugural do Titanic e por isso acho que devo utilizar este papel", assim começa a carta. A sobrinha-neta de Lenox-Conyngham, Christian Duff, a quem até agora pertencia a carta, qualificou de "absolutamente ridículo" o facto de se pagar tanto dinheiro por uma carta "amarrotada". No entanto, com essa quantia em dinheiro "absolutamente ridícula" obtida por essa carta "amarrotada" que servia para marcar livros, a senhora Duff disse que realizará uma viagem a Austrália. Boa Viagem!

2 comentários:

Alencar Silva disse...

Concordo com a Christian Duff.
De fato foi um valor absurdo por uma carta de quem participou de uma parte da viagem do Titanic.
Se a carta tivesse sido resgatada do navio ou de algum sobrevivente ou se fosse de uma das mais de 1500 vítimas, concordaria plenamente com o valor.
Boa notícia...

Marcello disse...

Credo Mário, pagar tudo isso em uma cartinha, jesus, faria coisas mais importantes com esse dinheiro do que isso, mas tem gente doida pra tudo nesse mundo. =X
Abraço ;D